Diário da Serra

RESPIRE AGOSTO – 20% dos casos de câncer de pulmão acometem não fumantes

Assessoria 03/08/2021 Saúde

Quem não fuma também deve estar atento aos sinais

#RespireAgosto

Atrás apenas do câncer de pele não melanoma, o câncer de pulmão é o segundo tipo de carcinoma mais comum no Brasil. O tabagismo é apontado como o principal fator de risco, mas é preciso que todos estejam atentos aos sinais, pois pouco se fala, mas cerca de 20% dos diagnósticos desse tipo de câncer são em indivíduos não fumantes, alerta Marlene Oliveira, presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida (LAL).

O oitavo mês do ano é voltado para a conscientização sobre câncer de pulmão e a campanha “Respire Agosto”, uma realização do LAL, foi criada para chamar a atenção para esse tipo de tumor, cuja incidência global pode chegar a 2,09 milhões de novos casos por ano, sendo o câncer que mais mata no mundo, com 1,76 milhão de óbitos.

Neste ano, a campanha iniciou no dia 1º de agosto, Dia Mundial do Combate ao Câncer de Pulmão, e tem como slogan “Fôlego para a Vida”, ressaltando a importância da saúde dos pulmões para realizar atividades diárias como trabalhar e caminhar. Serão produzidos diversos conteúdos ao longo do mês, como podcast, entrevistas, banners, cartazes, lives e vídeos para engajar a população e fazer os importantes alertas sobre a doença.

Marlene explica que a ideia é contribuir para a conscientização das pessoas sobre a importância de conhecerem a doença, seguir as recomendações de prevenção e chamar a atenção de que ela também pode se desenvolver em quem não é fumante ou fumante passivo.

A exposição passiva ao tabaco, doenças pulmonares, histórico familiar de câncer de pulmão e avanço da idade são alguns dos fatores que devem ter a atenção também dos não fumantes. Além disso, exposição recorrente a altos níveis de poluição do ar, gás radônio e amianto — encontrado em locais de atividades de mineração — também são considerados fatores de risco da doença.



Notícias da editoria