Diário da Serra

Médica tangaraense orienta pacientes a não omitirem sintomas durante triagem em hospitais e postos de saúde

Alexandre Rolim / Tangará em Foco 04/04/2020 Saúde

Ela pede para que a população não omita sintomas gripais como febre, tosse, dor de garganta e falta de ar

Saúde

A médica tangaraense Rodineia Maciel Dutra usou seu perfil no Facebook para orientar os moradores de Tangará da Serra quando forem passar por triagem em hospitais e unidades de saúde do município. Ela pede para que a população não omita sintomas gripais como febre, tosse, dor de garganta e falta de ar.


De acordo com ela, ao afirmarem que apresentam esses sintomas as pessoas estarão sendo direcionadas para o recebimento do atendimento correto. “Tangará já tem locais específicos para esses atendimentos com ‘Sintomas Respiratórios’, vocês serão direcionados para consulta onde profissionais já estarão paramentados e protegidos, e capacitados para esse atendimento”, destacou.


Rodineia comenta que os setores público e privado de saúde fizeram um esforço conjunto para oferecer o atendimento mais seguro para a população, montando estruturas para ‘dividir’ doentes respiratórios dos demais para evitar a disseminação do novo coronavírus (Covid-19).


Ela destaca ainda que as medidas servem para proteger os enfermeiros, médicos, técnicos e demais servidores das unidades de saúde públicas e privadas. “Vamos ajudar a proteger os profissionais da Saúde, nós também temos família e queremos voltar saudáveis para nosso lar, e também precisamos estar bem para cuidar dos doentes”, escreveu.


Ainda segundo ela, a não omissão de sintomas ajuda a evitar que pacientes com outras doenças se exponham ao coronavírus. “(…) Assim você também protege os pacientes com outras patologias a não se exporem a Covid-19. Vamos ser conscientes, é um ajudando a cuidar do outro, e tudo ficará bem para todos”, finalizou.


Vale destacar que Tangará da Serra possui quatro casos confirmados de coronavírus. 

Notícias da editoria